Quem empresta o nome paga a dívida do outro em caso de calote; veja como se prevenir dos riscos.

Fonte: Por Marta Cavallini e Karina Trevizan, G1, em 16.12.2019