Não desista de seu sonho, aprenda a realizá-lo: um encontro com o seu Propósito

Como a Educação Financeira “entrou” em minha vida.

Cerca de 90% da população brasileira não foi educada financeiramente. Eu faço parte deste percentual.

Cresci ouvindo: “o dinheiro é sujo”, “sucesso é obtido por meio de sacrifício”, “Superamos a pobreza por meio dos estudos”, “Dinheiro vem, dinheiro vai”! Estes mitos estiveram presentes na minha infância e permearam minhas atitudes ao longo da minha vida, essencialmente nas áreas profissional, pessoal, financeiro e negócios.

Situações foram vividas onde cada um destes se fizeram presentes e marcaram minhas atitudes, fazendo com que afastasse algo que sendo sujo não deveria ser apreciado, com que rejeitasse propostas de trabalho vindas de indicação por não serem frutos de minha conquista, de passar anos de minha vida estudando por achar que não estava preparada o suficiente para atuar de maneira adequada e que era natural ficar sem dinheiro uma vez que o seu propósito era pagar dívidas. A força do mito na vida, direcionando de maneira negativa e fatal o meu desenvolvimento e crescimento pessoal e, consequentemente financeiro.

Ao acaso e a convite de uma amiga, fui a um curso de educação financeira. Num primeiro momento, para receber conhecimentos para organizar a minha vida financeira. Afinal, tinha saído recentemente de uma empresa na qual atuava como gestora administrativa, pago todas as minhas dívidas, acreditando que rapidamente estaria recolocada. Mas, não aconteceu desta forma. Fique literalmente de luto, cheia de ressentimentos de não estar com a vida financeira organizada. Insegura, com a confiança abalada, parte das minhas dívidas era por ter proporcionado oportunidades aos meus filhos, faculdade, passeios, família, formação pessoal, enfim, sempre cuidando do outro, uma das características do gênero feminino.

Enxerguei na Educação Financeira a oportunidade de disseminar um conhecimento para que as pessoas, tivessem a oportunidade de organizar-se e realizar sonhos. Este foi o ponto crucial, pois de repente percebi que não tinha sonhos, tinha vontades, sequer sabia que existiam sonhos de curto, médio e longo prazo.

À medida que fui ganhando maior conhecimento identifiquei o quanto a mulher era vista como uma ignorante na área das finanças, como consumista, que não sabia administrar a vida financeira. Isto fez com que cada vez mais eu estudasse, para compreender o perfil financeiro da mulher, suas dores, anseios, seus sonhos, dificuldades e adotasse como missão: ” Nutrir as mulheres de conhecimento,  para terem a liberdade, de ter em suas mãos, o poder, de realizar os seus sonhos.”

Para ampliar minha ação no mapeamento das necessidades da mulher e fazer a entrega de serviços específicos, utilizo as redes sociais para otimizar o tempo e acesso ao conhecimento. Utilizo Facebook, Linkedin, Instagram, ferramentas como WhatsApp e Telegram, entre outras, para disseminar a Educação Financeira. Realizo workshops de Educação Financeira, palestras de sensibilização em empresas e particulares, Oficinas “Seus sonhos em suas mãos”, cursos, objetivando disseminar a Educação financeira, a fim de levar conhecimento para quem dele necessitar.

Atualmente criei um projeto de mentoria em educação financeira #desafio30diasjornadafinanceira, focado em orientação, áudios, mensagens, dicas, incentivando mulheres e àqueles que lhes são relevantes a dedicar tempo na construção do conhecimento e ter uma vida financeira saudável e sustentável. Mas não paro aqui: estou desenhando novos projetos que envolverá o que, como eu, atuam com Educação Financeira.

Essencialmente trabalhar comportamentos, hábitos e costumes, que levam a mulher à tomada de consciência que suas finanças estão em suas mãos e deixar de terceirizar uma área que ela já tem total condições de assumir.

O fato de saber o quanto exigiu de energia para a transição de um novo modelo financeiro, com mudanças significativas de mentalidade, e quanto eu posso abreviar caminhos por meio do conhecimento, é a mola propulsora para a minha missão.

Fonte: por Regina Alvares*, para CollBusiness News em 24.07.2018  

*Educadora e terapeuta financeira, coach, especialista em comportamento financeiro e profissional.

Skype: Regina Alvares
Instagram: regina_alvares
WhatsApp: (11) 97296-5265

2018-08-07T15:47:04-03:0024/07/2018|Gestão|Nenhum Comentário
Translate »